Fernanda Chemale

Júpiter Maçã | A força estética e a presença de palco

A força estética e a presença de palco eram hipnóticas. Flavio Basso tão mutante como sua obra e seus vários codinomes. Um cronista pornourbano, meio chique muitas vezes decadente. Mas muito à frente do seu tempo e de uma fronteira chamada rock gaúcho. Quem o conheceu ou aprecia sua obra percebe que nunca houve limites para o menino que amava maçãs e pedras. Atemporal, eternizou-se.  paola oliveira Jan 2021

Flávio Basso | Os Cascavelletes | Rock no Viaduto III | © Fernanda Chemale 1990

 

A força estética e a presença de palco eram hipnóticas. Flavio Basso tão mutante como sua obra e seus vários codinomes. Um cronista pornourbano, meio chique muitas vezes decadente. Mas muito à frente do seu tempo e de uma fronteira chamada rock gaúcho. Quem o conheceu ou aprecia sua obra percebe que nunca houve limites para o menino que amava maçãs e pedras. Atemporal, eternizou-se.

paola oliveira
Jan 2021

www.youtube.com/channel/UCFqkq0GvF-XxGYPdBh4Y9IA

 

Comentários estão fechados.